quarta-feira, 8 de setembro de 2010

L.I.V.R;O. - Tecnologia - Humor

L.I.V.R;O. - Tecnologia - Humor

L.I.V.R.O.

Na deixa da virada do milênio, anuncia-se um revolucionário conceito de tecnologia de informação, chamado de Local de Informações Variadas, Reutilizáveis e Ordenadas - L.I.V.R.O.

L.I.V.R.O. representa um avanço fantástico na tecnologia. Não tem fios, circuitos elétricos, pilhas. Não necessita ser conectado a nada nem ligado. É tão fácil de usar que até uma criança pode operá-lo. Basta abri-lo!

Cada L.I.V.R.O. é formado por uma seqüência de páginas numeradas, feitas de papel reciclável e são capazes de conter milhares de informações. As páginas são unidas por um sistema chamado lombada, que as mantém automaticamente em sua seqüência correta.

Através do uso intensivo do recurso TPA - Tecnologia do Papel Opaco - permite que os fabricantes usem as duas faces da folha de papel. Isso possibilita duplicar a quantidade de dados inseridos e reduzir os seus custos pela metade! Especialistas dividem-se quanto aos projetos de expansão da inserção de dados em cada unidade. E que, para se fazer L.I.V.R.O.s com mais informações, basta se usar mais páginas. Isso porém os torna mais grossos e mais difíceis de serem transportados, atraindo críticas dos adeptos da portabilidade do sistema.

Cada página do L.I.V.R.O. deve ser escaneada opticamente, e as informações transferidas diretamente para a CPU do usuário, em seu cérebro. Lembramos que quanto maior e mais complexa a informação a ser transmitida, maior deverá ser a capacidade de processamento do usuário. Outra vantagem do sistema é que, quando em uso, um simples movimento de dedo permite o acesso instantâneo a próxima página.

O L.I.V.R.O. pode ser rapidamente retomado a qualquer momento, bastando abri-lo. Ele nunca apresenta "ERRO GERAL DE PROTEÇÃO", nem precisa ser reinicializado, embora se torne inutilizável caso caia no mar, por exemplo. O comando "browse" permite acessar qualquer página instantaneamente e avançar ou retroceder com muita facilidade. A maioria dos modelos a venda já vêm com o equipamento "índice instalado, o qual indica a localização exata de grupos de dados selecionados.

Um acessório opcional, o marca-páginas, permite que você acesse o L.I.V.R.O. exatamente no local em que o deixou na última utilização mesmo que ele esteja fechado. A compatibilidade dos marcadores de página é total, permitindo que funcionem em qualquer modelo ou marca de L.I.V.R.O. sem necessidade de configuração. Além disso, qualquer L.I.V.R.O. suporta o uso simultâneo de vários marcadores de página, caso seu usuário deseje manter selecionados vários trechos ao mesmo tempo, a capacidade máxima para uso de marcadores coincide com o número de páginas.

Pode-se ainda personalizar o conteúdo do L.I.V.R.O., através de anotações em suas margens. Para isso, deve-se utilizar de um periférico de Linguagem Apagável Portátil de Intercomunicação Simplificada - L.A.P.I.S. Portátil, durável e barato, o L.I.V.R.O. vem sendo apontado como o instrumento de entretenimento e cultura do futuro.

Milhares de programadores desse sistema já disponibilizaram vários títulos e upgrades utilizando a plataforma L.I.V.R.O.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

SUA VOZ



Hoje ouvi tua voz...
Vinha não sei de onde,
de alguma lembrança perdida, talvez.
O mesmo tom doce e sereno
de quem tem a aquela certeza no que diz,
aquela fé inabalável.

Hoje ouvi tua voz...
Não sei de onde ou por que
Mas me disse o que não quero mais ouvir
Não por não acreditar,
apenas por não querer mais sentir.

Se foi tão ruim assim?
Foi belo,
foi divino
e foi eterno

Queria tanto poder entender toda a efemeridade do eterno...
Queria poder dissecar o tempo
Fazê-lo parar para poder descer dessa montanha-russa louca chamada vida
E, finalmente poder ouvir aquela sua voz perdida em minhas lembranças...
“Amo você, amor”

A. J. Silva

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

LEVI FIDELIX LANÇA SUA PRÉ-CANDIDATURA

    Leiam aqui, mas o mais engraçado (engraçado???) mesmo foi ver suas declarações esta manhã no Jornal do SBT. Segundo ele, um de seus projetos é criar um programa de governo que beneficiará cada brasileiro que nascer em nosso solo, com uma bagatela de 04 (quatro) salários mínimos, a serem depositados em uma caderneta de poupança.
    Claro que nao sou economista e, nem vou tenta calcular quais os custos de um programa de tal vulto ao ser implementado. Entretanto, ressalta-se aqui que em um pais onde os tabalhadores esperam o Seguro-Desemprego acabar pra procurar um novo emprego, as crianças continuam indo à escola para receber o Bolsa-Escola, outros tantos nao buscam trabalho e renda para nao perderem o Bolsa-Familia etc, ha de se prever que as pessoas começarão a ter filhos só pra pegar mais uma "merrequinha" do governo. Afinal, como ja cansei de ouvir por aí, "nao vamos deixar o dinheiro pro Estado", né?
   Em suma: Alem de ser um programa que vai demandar verbas governamentais por um propósito duvidoso, tal programa pode ter por consequência um aumento demográfico no pais.
    Este blogueiro lembra que vivemos em um planeta com mais de seis bilhões de almas e que nao há recursos no mundo pra vestir, medicar e alimentar todas.
    Em tempos de eleições é bom que fiquemos ligados com o que dizem nossos candidatos a líder.

sexta-feira, 12 de março de 2010

ALIADOS ON LINE

Esta sozinho? Adora gente pobre e banguela? tem uma atração iresistivel por barangas e/ou caras com barriga de chopp e fedidos? Acesse: ALIADOSONLINE

La vc tera um chat user plane com recursos de audio e video que superam o que dispoe a uol e podera disfrutar todas as maravilhas que so gente feia e pobre pode proporcionar. Seja vc tb um feio miserento. venham para o aliadosonline